Ao menos oito homens armados invadiram o campus da Universidade Metodista de Piracicaba (Unimep), em Santa Bárbara dOeste (a 138 quilômetros de São Paulo), entre a noite de domingo e a madrugada de segunda-feira. Os suspeitos renderam e mantiveram amarrados dois seguranças da universidade e roubaram dinheiro e cheques de dois caixas eletrônicos, além de documentos guardados na Secretaria de Atendimento Integrado da Unimep.

Segundo informou o gerente do campus da universidade, Juscelino Monção Neto, ninguém ficou ferido. Não havia alunos enquanto os assaltantes agiram. Um carro da universidade foi roubado, mas encontrado na manhã de hoje num canavial à margem da Rodovia Luiz de Queiroz (SP-304).

De acordo com Monção Neto, a quadrilha invadiu o campus por volta de 23 horas e só saiu do local por volta das 4 horas. Os vigilantes permaneceram amarrados até a manhã de hoje, quando chegaram os primeiros funcionários da universidade.

Até o final desta tarde ninguém havia sido preso, segundo informação da Polícia Civil. Nem a universidade nem os bancos responsáveis pelos caixas eletrônicos informaram o montante do prejuízo. "Uma coisa é certa: quem assaltou, conhecia estrutura. O valor levado não foi exagerado porque era o que estava contabilizado entre sexta e sábado de manhã", afirmou Gardenal.

Essa foi a segunda vez que o campus da Unimep em Santa Bárbara foi assaltado dessa forma, segundo informou o gerente. A última vez ocorreu há quatro anos.

Leia mais sobre assaltos

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.