Oficial do Exército é preso em MG acusado de pedofilia

Na fazenda do acusado, foram encontrados explosivos, detonadores e mídias contendo imagens pornográficas de crianças e adolescente

AE |

selo

Acusado de pedofilia, um oficial reformado do Exército foi preso em flagrante ontem durante a Operação Senhor das Armas, da Polícia Federal (PF), em Montes Claros, em  Minas Gerais. Foram cumpridos dois mandados de busca e apreensão, na residência e na fazenda do oficial.

Na casa dele foram encontradas duas armas de fogo antigas e na fazenda foram apreendidas armas de fogo de uso restrito, como um fuzil com o brasão da República, e munição. Os agentes também encontraram explosivos, detonadores e mídias contendo imagens pornográficas de crianças e adolescentes.

Além de ser acusado de pedofilia, o oficial vai responder pelos crimes de porte ilegal de armas e por ameaça aos policiais federais. Durante a condução do flagrante, na delegacia, ele disse aos gritos que quando saísse da prisão iria "matar vários policiais" e em seguida cometer suicídio, segundo a PF.

    Leia tudo sobre: pedofilia

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG