s - Brasil - iG" /

Obras de Hirst seguem batendo recordes no leilão da Sotheby s

Londres, 16 set (EFE) - O artista britânico Damien Hirst continua batendo recordes no leilão de 223 obras suas que está sendo realizado em Londres, onde hoje foram vendidos alguns de seus famosos animais em formol por mais de dois milhões de libras (US$ 3,5 milhões).

EFE |

Após bater vários recordes na primeira sessão de segunda-feira, que arrecadou nada menos que 70,5 milhões de libras (US$ 126 milhões), os trabalhos de Hirst voltaram a atrair hoje a atenção de ricos compradores na sede da casa Sotheby's de Londres.

Entre os lotes que estão sendo ofertados ao melhor lance estão um potro conservado em um tanque de vidro cheio de formol e batizado de "The Dream" ("O Sonho"), arrematado por 2,33 milhões de libras (US$ 4,16 milhões).

Outro exemplar dos trabalhos de Hirst, um bezerro com patas de ouro e submerso em formol nomeado "False Idol" ("Falso Ídolo"), foi arrematado por 1,38 milhão de libras (US$ 2,46 milhões).

Também se destacou um painel circular composto por borboletas de cores, intitulado "Reincarnated" ("Reencarnado"), leiloado por 1,6 milhão de libras (US$ 2,85 milhões).

Ao fim da sessão da manhã, na qual praticamente todos os lotes foram vendidos, o leilão continua nesta tarde com a atenção centrada em uma zebra mergulhada em formol que poderia ultrapassar as três milhões de libras (US$ 5,35 milhões).

Na segunda-feira, "The Golden Calf" ("O Bezerro de Ouro"), que é um bezerro conservado em formol, bateu o recorde de uma obra de Hirst ao ser arrematado por 10,34 milhões de libras (US$ 18,46 milhões).

A peculiaridade do leilão reside em que é a primeira vez que um artista coloca a disputa sua última produção, sem passar antes por um marchand. EFE pa/db

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG