OAB critica volta de Prudente à Câmara do DF

O presidente nacional da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), Cezar Britto, divulgou nota hoje criticando o retorno do deputado Leonardo Prudente (sem partido) ao cargo de presidente da Câmara Legislativa do Distrito Federal (DF). É um descaro indescritível que ofende a consciência cívica da sociedade brasileira, afirmou.

Agência Estado |

"Não poderia haver desfecho mais lamentável para o 2009 do contribuinte brasiliense, lesado em ações fraudulentas por políticos como Prudente, eleitos para defendê-lo e representá-lo."

Na quarta-feira, Prudente anunciou que regressará ao cargo de presidente da Casa em 11 de janeiro, na retomada dos trabalhos. Prudente se afastou da presidência após a divulgação de imagens da Polícia Federal (PF) que o flagram escondendo nas meias e nos bolsos do paletó maços de dinheiro supostamente provenientes de um esquema de distribuição de propina comandado pelo governador do DF, José Roberto Arruda (sem partido).

O parlamentar deixou em dezembro o seu partido, o DEM, após virar alvo de processo interno de expulsão por envolvimento no chamado do DEM. Durante o afastamento do parlamentar, a cadeira da presidência foi ocupada pelo deputado oposicionista Cabo Patrício (PT).

Ainda na nota divulgada hoje, Britto assegurou que a OAB continuará "lutando em todas as frentes" para que os envolvidos no suposto esquema criminoso sejam "banidos da vida pública".

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG