O retorno do tricô artesanal

O retorno do tricô artesanal Por Líliam Raña São Paulo, 03 (AE) - O tricô com cara artesanal está novamente com tudo neste inverno. As tramas são grossas, valendo até as antigas tranças ou pontos soltos para criar um efeito diferente.

Agência Estado |

O casaco que foi a sensação na última São Paulo Fashion Week, da 2nd Floor, parece justamente um mantô de bolas de algodão. A Iódice também aposta com modelos abertos e punhos sanfonados até o cotovelo.

Ainda na onda rústica, os fios sintéticos confeccionam coletes e golas de pele. As pelerines estão mais curtas e abusam das novas texturas para criar o efeito artesanal e aquecer sobre vestidos ou peças mais leves. Casacos e blazers e lã ficam com modelagem mais reta, sem os excessos de cortes e pregas. As peças em cashmere voltam também com destaque, mas o que todo mundo vai ter no guarda-roupa são os casaquetos com recorte e pregas na altura do busto.

MOB

A coleção inverno 2008 da MOB é inspirada no luxo e tem como cenário a capital mundial do cinema, Los Angeles. A grife explora na modelagem, mangas curtas e volumes mais exagerados. O xadrez e mesclas são o forte da grife, que sempre traz estampas diferenciadas e exclusivas. O tricô, seguindo tendências mundiais, vem em tons secos e mesclados, em formas amplas e pontos que ajudam a criar o caimento pesado.

BOTAS

As botas da Makulêlê conseguem dar um refinamento aos calçados com solado em plataforma, que geralmente pedem cuidado maior para compor o visual. A cor da plataforma segue exatamente a do cano em camurça, tornando mais delicado o estilo street, além dos detalhes em pespontos no cabedal que também dão charme ao calçado.

FIQUE ESPERTA!

Com a onde de volumes, atenção para não aumentar o que não deve, ainda mais no inverno;

- Casacos com mangas japonesas e em modelagem 'A' aumenta quem tem estômago mais saliente;

- Evite coletes muito compridos;

- Evite usar casacos até os tornozelos se você tem estatura baixa;

- Nos ombros xales e golas postiças diminuem comprimento do pescoço e aumentam largura dos ombros, cuidado.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG