O protagonista da vez é ele: o vestido

O protagonista da vez é ele: o vestido Por Amanda Valeri São Paulo, 06 (AE) - Os vestidinhos, vestidos e vestidões. Quem já passeou pelos shoppings do País já deve ter notado que a coleção de alto verão trará as peças como os principais protagonistas da estação mais adorada pelos brasileiros.

Agência Estado |

Soltos, esvoaçantes e leves, eles refletem fielmente o espírito do verão. Na maioria das coleções, o vestido - independente do shape ou do comprimento - surge inspirado nos anos 70 e repleto de estampas coloridas.

A Triângulo Moda - na sua coleção inspirada nas savanas africanas, nos anos 20 e 50 e na cultura hippie - traz vestidos longos, com decotes de um ombro só e modelos frente-única. A aposta da grife são os vestidos quimonos que sofisticaram a coleção. Na cartela de cores, os tons frutados fazem contraponto com o preto, o branco. O verde e o azul royal ganharam força no verão 2009 da marca. Já dentre as estampas, florais grandes, folhagens e linhas abstratas iluminam os vestidos.

A paulistana Rosa Preguiçosa viu no vestido o ponto alto da estação mais quente do ano. Em shapes variados - esvoaçantes, balonês e mais justinhos -, ele aparece com recortes ousados e decotes modernos. Os tons partem do básico preto e branco até os mais alegres como laranja, rosa, azul, verde e vermelho. As estampas ganham espaço na coleção, em especial as compostas por flores. A grife acredita numa mulher versátil e, por isso, traz às consumidoras modelos casuais e sofisticados.

Braços e ombros à mostra transmitindo liberdade. Essa é a proposta da Morena Rosa para os vestidos da coleção de verão. O artesanal e o hippie se fundem nas peças e resultam em peças com herança dos anos 70 e muito tie-dye, acabamento em franjas e plumas, e estampas florais e multicoloridas. Já a grife Nem seguiu a linha mais natural e traz em sua coleção verão 2009 vestidos longos e marcados na cintura - tendência que já vem sendo vista desde o verão passado. As cores são fortes, com forte presença do azul, rosa e amarelo. As estampas são a bola da vez.

Paz no futebol, com moda

No próximo domingo, dia 9, os brasileiros fanáticos por futebol terão uma boa surpresa durante a partida entre Cruzeiro e Fluminense. A grife Puma, que apóia a organização Peace One Day pela luta pela paz mundial, irá vestir todos os jogadores e comissão técnica cruzeirense. Todos irão usar a camisa oficial da organização e, durante a partida no estádio Mineirão, segundo a marca, irão fazer um pedido de paz. A organização, fundada em 1999 por Jeremy Gilley, tem a contribuição da grife alemã através do Futebol Collection.

Fique esperta!

Antes tipo como um tecido só visto em roupas noturnas e, especialmente, em looks de gala, o cetim agora se tornará fiel às composições do dia-a-dia da mulher. De camisetas básicas, passando por shortinhos e saias e chegando aos blazers, a tendência agora é essa.


- Por causa do seu brilho natural, no look diurno, crie sobreposições com tecidos opacos, como o algodão;

- Já à noite, não há tanta restrição. Mas todo cuidado é necessário para não escorregar e exagerar no brilho;

- Os acessórios também ganham destaque: pulseiras, bolsas e sapatos dão um toque sofisticado à composição.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG