O fumo também prejudica a visão

O fumo também prejudica a visão Por Adriana Bifulco São Paulo, 17 (AE) - Não é nenhuma novidade que o cigarro é prejudicial à saúde. Mas pouco se fala que os olhos também são prejudicados pelo fumo, especialmente a partir dos 50 anos.

Agência Estado |

Isso porque problemas que costumam aparecer por volta dos 70, como catarata, glaucoma e degeneração macular relacionada à idade (DMRI)costumam surgir mais cedo nos fumantes.

"A fumaça e a nicotina são oxidantes muito poderosos, que fazem os tecidos envelhecerem mais rápido", explica Renato Neves, diretor da Clínica Eye Care, de São Paulo, mestre e doutor em oftalmologia pela Unicamp.

De acordo com estudos realizados na Universidade de Harvard, nos Estados Unidos, os fumantes têm o dobro de risco de ficarem cegos em função da degeneração macular. Lá anualmente a DMRI provoca 1,7 milhão de casos de perda de visão.

"A mácula é a região central da retina. Lá são definidas as cores, as formas, a leitura e os rostos. As células da retina, que tem origem no sistema nervoso, não se regeneram e tampouco se multiplicam. Qualquer alteração nessa região é sinônimo de perda de visão", explica Neves.

E até quem deixou de fumar corre o risco de enfrentar esses problemas. "Demora 20 anos para um fumante ficar em condições semelhantes a um não fumante", justifica o especialista. "O cigarro é um oxidante do sangue. Ele empobrece a circulação sanguínea na retina. Os fumantes passivos não estão livres desse risco, afirma.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG