Número de vítimas de bala perdida cai 20% no Rio

RIO DE JANEIRO ¿ Relatório temático divulgado nesta sexta-feira pelo Instituto de Segurança Pública (ISP) mostra que o número de pessoas vítimas de bala perdida no Rio caiu 20,2% na comparação entre os três primeiros meses deste ano e o mesmo período do ano passado. A análise informa que, no primeiro trimestre de 2008, das 75 pessoas foram atingidas por bala perdida, oito morreram e 67 ficaram feridas.

Redação |

Das vítimas fatais, seis eram do sexo masculino, entre os quais três eram maiores de idade. Os dados indicam que foi na capital carioca onde mais ocorreram os casos, registrando cinco vítimas fatais e 44 não fatais. A Baixada Fluminense vem em seguida, com três mortos e 14 feridos por causa das balas perdidas.

Durante todo o ano de 2007, 222 das vítimas, considerando fatais e não-fatais, estavam na capital do Estado, o que representa 79,6% do total das vítimas no ano passado. Em relação ao primeiro trimestre de 2008, das 75 vítimas de bala perdida 65,3% ocorreram na área da capital.

A redução de 20,2% é comprovada na comparação com os números do primeiro trimestre de 2007 que indicam 94 pessoas vítimas de bala perdida, sendo sete fatais e 87 não fatais.

A análise do tema buscou levantar algumas características das vítimas - sexo e idade - bem como identificar o local do fato e observar se há menção a algum evento nas proximidades, tais como: ação policial, ação de criminosos ou ainda outros, de natureza diversa como festas, disparos contra terceiros e roubos.

Leia mais sobre: violência no Rio

    Leia tudo sobre: violência

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG