Número de seqüestros cai 60% no Estado de São Paulo

Os números de casos de extorsão mediante seqüestro caíram 60% no Estado de São Paulo em comparação com o segundo trimestre do ano passado, de acordo com a Estatística da Criminalidade referente ao segundo trimestre de 2008. Segundo a Secretaria de Segurança Pública do Estado, entre abril e junho de 2007 foram registrados 30 casos.

Agência Estado |

No mesmo período deste ano, o número caiu para 12. Para efeito de comparação, no segundo trimestre de 2002 São Paulo contabilizou 89 seqüestros. "Desde 2001, com o mapeamento das quadrilhas, prendemos aproximadamente mil criminosos. Também conseguimos liberar as vítimas sem o pagamento de resgates em cerca de 75% dos casos nos últimos anos. Com isso, evita-se o incentivo ao crime", disse o delegado da Divisão Anti-Seqüestro (DAS) da Polícia Civil, Wagner Giudice.

Na Grande São Paulo foram registrados dois seqüestros no segundo trimestre deste ano, dois casos a menos do que no mesmo período de 2007. Na capital, no segundo trimestre deste ano foram registrados cinco casos, contra 16 no mesmo período de 2007. Já no interior do Estado, neste segundo trimestre, ocorreram cinco casos, contra dez no mesmo período do ano passado. Atualmente, dois casos de seqüestro estão em andamento em todo o Estado de São Paulo, segundo a Divisão anti-seqüestro.

Em 2007, pela primeira vez em sete anos, não houve registro de extorsão mediante seqüestro no Estado de São Paulo durante o período do Natal. De 21 a 25 de dezembro do ano passado, não houve vítimas em cativeiro ou registros de seqüestro em andamento ou ocorrido em São Paulo. De acordo com o delegado Wagner Giudice, a DAS nenhum caso de seqüestro com vítima em cativeiro foi monitorado na capital neste mês.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG