Número de mortes em Santa Catarina sobe para 123

SANTA CATARINA - A polícia encontrou na manhã desta segunda-feira o corpo de uma menina que havia sido soterrada em Ilhota, no Vale do Itajaí. Com isso, subiu para 38 o número de mortes provocadas pelas chuvas na cidade e para 123, em todo o Estado.

Agência Estado |

A Defesa Civil catarinense não soube informar a identidade da vítima nem se ela estava entre as 29 pessoas desaparecidas. Segundo o órgão, 27.236 pessoas permanecem desalojadas e 6.239, desabrigadas. Em 14 municípios foi decretado estado de calamidade pública.

Nesta segunda, a Defesa Civil alertou a população para a possibilidade de mais chuvas entre esta terça e quinta-feira (9 e 10).

De acordo com os meteorologistas, o deslocamento de um frente fria pelo Sul do Brasil deve provocar instabilidade no Estado, favorecendo a ocorrência de pancadas de chuvas de intensidade moderada e forte por alguns momentos, e também de descargas elétricas.  O volume de chuva pode variar entre 30 a 60 mm, em média, nas regiões da Grande Florianópolis, Vale do Itajaí e Litoral Norte. Também há risco de temporal e queda isolada de granizo.

No caso de alagamentos a Defesa Civil recomenda que a população evite o contato com as águas que podem estar contaminadas. Também é aconselhável não dirigir em lugares alagados. Moradores de áreas vulneráveis a deslizamentos precisam ficar atentos, no caso de aparecimento de fendas, depressões no terreno, rachaduras nas paredes das casas e inclinações de troncos de árvores ou postes. Qualquer orientação da Defesa Civil do município deve ser atendida.

No caso de emergência a comunidade deve acionar a Coordenadoria Municipal de Defesa Civil, através do telefone 199.  O telefone para contato da Defesa Civil estadual é o 48 3244 0600.

Veja também:

Leia mais sobre: Santa Catarina

    Leia tudo sobre: santa catarina

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG