Número de bebês mortos chega 24 na Santa Casa de Belém

BELÉM - No último fim de semana mais quatro bebês faleceram na Santa Casa de Misericórdia de Belém. Somados aos outros 20 óbitos desde 27 de junho, já são 24 ao todo. Na noite desta quarta-feira a Secretaria do Estado de Saúde e a Fundação Santa Casa enviaram um comunicado à imprensa denominado ¿Levantamento preliminar da situação na Santa Casa¿.

Ana Clara Werneck, do Último Segundo |

No documento há dados de óbitos desde o ano de 2005, que atestam que a taxa de mortalidade do hospital variou nos últimos três anos entre 14% e 16%, e que em 2008 esta taxa se manteve em 14,8%. Segundo o comunicado, dos 1.710 recém-nascidos internados desde janeiro, 253 morreram. No levantamento também consta a informação de que a ocorrência de óbitos neonatais nos meses de maio e junho de 2008 é similar à registrada em janeiro, novembro e dezembro de 2006.

No entanto, afirma-se que o quadro avaliado em levantamento preliminar da situação é preocupante e decorre de problemas históricos enfrentados pela instituição, que precisam ser urgentemente corrigidos. Para isto, a Secretaria de Estado de Saúde Pública (SESPA) já contratou 30 novos leitos de UTI neonatal, entre outras providências identificadas como emergenciais pela comissão de direção provisória que se encontra na Santa Casa desde o último sábado.

Enquanto isso, o Ministério Público Estadual está atuando em duas frentes no caso: encaminhou uma ação cível e outra criminal à Justiça. Na ação cível, o MP pede a construção de um novo hospital materno-infantil em Belém, já que a Santa Casa opera com até 50% a mais de sua capacidade máxima em alguns setores.

    Leia tudo sobre: bebêssanta casa

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG