No RS, estudantes vão às ruas pedir saída de Yeda

Uma manifestação contra a governadora Yeda Crusius (PSDB) reuniu centenas de estudantes hoje, em Porto Alegre. O protesto começou no Colégio Júlio de Castilhos, no bairro Azenha, e seguiu em passeata até a Praça Marechal Deodoro, diante do Palácio Piratini, no centro da cidade.

Agência Estado |

No trajeto, os participantes exibiram seus rostos pintados com as cores verde, vermelho e amarelo da bandeira do Rio Grande do Sul, portaram cartazes e faixas e gritaram a palavra de ordem "Fora Yeda". No ato final queimaram uma boneca identificada como representação da governadora.

Os participantes da mobilização entendem que a tucana deve ser afastada do cargo por suposto uso de caixa dois na campanha eleitoral de 2006, denunciado pelo PSOL em fevereiro e não comprovado, e pela violação de informações restritas à área de segurança para uso político de agentes públicos próximos ao Executivo, caso que está sob investigação de uma sindicância do próprio governo. O Palácio Piratini não respondeu à manifestação com o argumento de que o ato era agressivo que não mereceria ser comentado.

Líderes ligados à União Nacional dos Estudantes (UNE), aos diretórios estudantis da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS) e a grêmios estudantis de escolas de ensino médio definiram a manifestação como "a volta dos caras pintadas", numa alusão ao movimento que foi às ruas pedir a saída do então presidente Fernando Collor de Mello em 1992. "Acreditamos que o afastamento da governadora é possível, seja por impeachment, renúncia ou licença temporária, até que as denúncias sejam apuradas", resumiu Rodolfo Mohr, ligado ao DCE da UFRGS.

A deputada federal Luciana Genro, a vereadora Fernanda Melchionna e o presidente estadual do PSOL, Roberto Robaina, misturaram-se aos estudantes no final da manifestação. "Nós viemos apoiá-los e contamos agora com a mobilização da sociedade para romper a blindagem da governadora, feita por partidos políticos", afirmou Luciana.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG