Agentes da Divisão de Repressão ao Contrabando e Descaminho da Receita Federal apreenderam nesta madrugada quatro quilos de cocaína em cartas endereçadas a diversos países da Europa no Terminal de Cargas do Correios, no Aeroporto Internacional Tom Jobim (Galeão), no Rio. O entorpecente estava escondido em cartas, cartões musicais e livros infantis.

Um cão farejador descobriu a droga que seria enviada para países como Espanha, Polônia, Inglaterra e Portugal.

Desde maio, agentes da Receita Federal estão em operação por 24 horas para investigar a presença de drogas nas correspondências. Neste período, já foram apreendidos 18 quilos em 300 cartas. O material é a avaliado aproximadamente em R$ 900 mil.

A operação não tem prazo para terminar. O material será enviado para a Receita Federal, mas os agentes já descobriram que as cartas com drogas foram enviadas de São Paulo e Brasília. O nome e endereços dos remetentes são falsos. A PF deve acionar a Interpol para investigar os destinatários.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.