No País, vacinação contra pólio deve imunizar 14,7 mi

O Ministério da Saúde, em parceria com as secretarias estaduais e municipais de saúde, realiza neste sábado a primeira etapa da Campanha Nacional de Vacinação contra Poliomielite. Segundo o órgão, a meta é imunizar cerca de 14,7 milhões de crianças, o que representa 95% das crianças menores de cinco anos.

Agência Estado |

AE
Campanha de vacinação contra a poliomielite

Campanha de vacinação contra a poliomielite

Em todo o País, 115 mil postos de vacinação participarão da mobilização, com o envolvimento de cerca de 350 mil pessoas e a utilização de cerca de 40 mil veículos (terrestres, marítimos e fluviais). A segunda etapa da campanha ocorrerá no dia 22 de agosto.

Segundo informações do ministério, a campanha, que tem como slogan "Não dá pra vacilar. Tem que vacinar", recebeu investimentos da ordem de R$ 46 milhões, sendo R$ 21,8 milhões com a aquisição dos imunobiológicos, e R$ 13,2 milhões, com transferência de fundos para as Secretarias Estaduais e Municipais de Saúde, e R$ 11 milhões para ações de comunicação e publicidade para as duas fases.

O Brasil já foi certificado pela Organização Mundial de Saúde (OMS) de que não há circulação do vírus da poliomielite no nosso território, segundo o ministério. A importância da vacina é manter o País livre do vírus que causa a doença.

A vacina contra a poliomielite é um serviço básico oferecido pelo Sistema Único de Saúde (SUS) e disponível durante todo o ano nos postos de saúde, na vacinação de rotina. Além do esquema básico - as três doses de rotina - a criança de até cinco anos de idade tem de tomar todos os anos as duas doses da campanha.

Leia mais sobre poliomielite

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG