No 1º show no Brasil, Madonna brilha sob chuva no Maracanã

RIO DE JANEIRO ¿ Madonna brilhou neste domingo sob a chuva em um Maracanã abarrotado, 15 anos após sua última atuação, mas, ao contrário daquela vez, não presenteou a platéia com um contato mais próximo.

EFE |

Na primeira de suas cinco atuações no Brasil, a rainha do pop seguiu quase ao pé da letra o roteiro de sua turnê "Sticky and Sweet", que a levou por palcos de todo o mundo nos últimos meses e que encerrará definitivamente no próximo dia 21 em São Paulo.

Muitos fãs esperavam algum detalhe como os que realizou em sua último passagem pelo Rio, em 1993, quando deleitou o público com uma versão em inglês de "Garota de Ipanema", de Tom Jobim e Vinícius de Morais, e, além disso, vestiu a camisa do Flamengo.

Desta vez, a cantora ateve-se quase totalmente aos quatro blocos de música que percorrem sua evolução artística, desde seu início mais sensual e provocativo, à etapa mística e introspectiva de "Ray of Light" ou sua faceta mais eletrônica e disco atual.

Madonna deu aos 75.000 espectadores a opção de escolher uma canção de seu repertório e, por aclamação, cantou "Express Yourself".

O dilúvio que caiu sobre a Maracanã não evitou que várias gerações de brasileiros se entregassem ao percurso de 25 anos de carreira musical da cantora americana, desde seus clássicos "Like a Virgin", "Vogue" e "La Isla Bonita", até os temas de seu último trabalho.

A rainha do pop apareceu no palco sentada em um trono para começar com o tema de seu último disco "Candy shop". Depois continuou com um dueto virtual com o cantor Kanye West, projetado nas telas gigantes, entoando "The beat goes on".

Continuou com um frenético espetáculo de luzes, vídeos e elaboradas coreografias que seguiu demonstrando que do alto de seus 50 anos está em forma.

No entanto, por causa da chuva, que molhou parte do palco, a cantora escorregou e caiu, embora tenha se recuperado e continuado o espetáculo com normalidade cantando "She's not me".

Para evitar incidentes maiores, cada vez que a diva acompanhava suas canções com a guitarra elétrica, um ajudante aparecia atrás para protegê-la com um guarda-chuva.

Com a temperatura crescente e um público entregue, Madonna chegou ao último bloco do espetáculo, o mais intenso e vibrante, com sucessos como "Like a prayer", "Ray of light" e "Hung up", a participação virtual de Timbaland e Justin Timberlake, para fechar a atuação em pleno êxtase com "Give it to me".

Madonna voltará a se apresentar amanhã perante o público carioca no mesmo palco, antes de partir para São Paulo, onde tem três shows no Morumbi.

    Leia tudo sobre: madonna

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG