NBC melhora audiência com Olimpíadas de Inverno, mas Seinfeld desagrada crítica

LOS ANGELES ¿ A Olimpíada de Inverno de Vancouver melhorou a audiência da combalida rede NBC, enquanto o novo programa do comediante Jerry Seinfeld foi mal recebido pela crítica, na estreia da nova temporada da TV aberta norte-americana.

Reuters |

A NBC disse na segunda-feira que 190 milhões de norte-americanos viram os Jogos de Vancouver através de seus canais abertos ou a cabo ao longo de 17 dias. Foi a segunda maior audiência desse evento desde os Jogos de Lillehammer-1994.

A rede, que há anos tem a pior audiência entre as quatro grandes emissoras nacionais dos EUA, disse que sua cobertura em Vancouver atraiu 9 por cento mais espectadores do que a soma dos concorrentes ABC, CBS e Fox.

A média do horário nobre noturno durante a Olimpíada foi de 24,4 milhões de espectadores, contra uma média de 22,3 milhões para ABC, CBS e Fox ao longo dos 17 dias de programação. A disputa no gelo também desbancou em duas ocasiões o programa de calouros "American Idol", da Fox, que há seis anos não perdia o primeiro lugar.

Apesar da boa audiência, a NBC deve ter prejuízo de cerca de 250 milhões de dólares nessa cobertura, depois de pagar uma quantia recorde pelos direitos de exibição.

Com o final dos Jogos, no domingo, a NBC lançou um dos seus mais aguardados programas, um misto de comédia e jogo chamado "The Marriage Ref", estrelado por Seinfeld, astro de uma bem-sucedida série na década de 1990.

A rede reformulou sua grade às pressas depois de cancelar o "The Jay Leno Show", em fevereiro, num constrangedor recuo depois da tentativa de investir num talk show barato para a faixa das 22h, habitualmente ocupada pela dramaturgia.

"The Marriage Ref", que coloca astros para se meterem nas discussões banais de casais comuns dos EUA, teve uma boa audiência de 14,5 milhões de pessoas, mas foi detonado pela crítica.

Alan Sepinwall, do jornal The Stard Ledger, achou o programa "uma bagunça feia, sem graça e condescendente". James Poniewozik, da revista Time, viu "a mais terrível mistura".

A edição de domingo apresentou um casal que discutia sobre empalhar a cabeça de um cachorro morto, e outro que cogitava colocar um mastro para strip-tease no quarto. Seinfeld, que pouco fez TV desde o fim de seu programa em 1998, é o editor-executivo e eventual participante de "The Marriage Ref".

Outros críticos foram mais brandos e se mostraram curiosos para verem a cantora Madonna, a comediante Tina Fey e a atriz Eva Longoria-Parker nos próximos episódios.

"Talvez acima de tudo 'The Marriage Ref' ofereça um entretenimento leve num momento em que a idiotice representa um bálsamo para a maré de notícias sombrias em outras frentes", disse a Daily Variety.

    Leia tudo sobre: jerry seinfeldnbcseinfeld

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG