O presidente da Câmara, deputado Michel Temer (PMDB-SP), confirmou nesta terça-feira (14) que a Casa não vai impor sanções ao deputado Fabio Faria (PMDB-RN) por ter utilizado sua cota de passagens aéreas da Casa para pagar viagens de artistas, como http://congressoemfoco.ig.com.br/noticia.asp?cod_canal=21&cod_publicacao=27801 target=_topinformou nesta terça-feira o Congresso em Foco.

    Segundo Temer, cabe ao próprio parlamentar julgar se agiu corretamente, mas o presidente da Câmara não aprovou o ato do deputado do PMN. Não é o padrão normal. Mas ele tem que responder por isso. Se achar que deve, é um juízo dele, devolve esses recursos para a Câmara. Se achar que não, apresenta as suas justificativas, afirmou Temer.

    Leia a reportagem completa no Congresso em Foco

      Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.