Na véspera do feriado, motorista enfrenta mais de 100 km de congestionamento em SP

Às véspera do feriadão de carnaval o motorista precisa de muita paciência para trafegar na cidade de São Paulo. Segundo informações da Companhia de Engenharia de Tráfego (CET), às 9h25, o congestionamento estava em 107 km, índice acima da média para o horário.

iG São Paulo |

O congestionamento representa 12,8% dos 835 km monitorados.  Conforme a CET, o pior local é a Marginal Tietê, no sentido Castello Branco, tanto na pista expressa como na local. O motorista fica mais de 8 km parado, da rodovia Castello Branco até a ponte Júlio de Mesquita Neto.

No sentindo Ayrton Senna, são 4 km de lentidão, que vai da ponte da ponte das Bandeiras até a rodovia Castello Branco. Há também retenções na altura da ponte da Casa Verde e do viaduto Jânio Quadros.

A Marginal Pinheiros também está complicada nesta manhã e quem passa pelo local tem que diminuir a velocidade da ponte Cidade Universitária até a rodovia Castello Branco. Na avenida dos Bandeirantes, a lentidão vai do viaduto Aliomar Baleeiro até o Santo Amaro.

O motorista que puder deve evitar ainda a Radial Leste, onde há congestionamento nos dois sentidos, da rua Wandenkolk até o viaduto Pires do Rio.

Rodízio

O rodízio municipal de veículos está valendo nesta sexta-feira para carros com placas de finais 9 e 0. Eles estão proibidos de circular das 7h às 10h e das 17h às 20h. Na segunda, terça e quarta-feira, o rodízio estará suspenso. Continuam valendo normalmente, nessas datas, o rodízio para veículos pesados, como caminhões.

Carros alegóricos

Durante a madrugada, o motorista também encarou congestionamento similar ao registrado durante o dia na Marginal Tietê. Isso porque três carros alegóricos da escola Gaviões da Fiel andaram pela contramão da pista local, sentido Ayrton Senna.

O motorista demorou 45 minutos para percorrer 1,9 mil metros, entre as pontes do Limão e da Casa Verde. A pista expressa, que estava com tráfego livre, não pôde ser utilizada porque os acessos pela local foram fechados pela CET.

A CET afirma que já liberou os acessos e o trânsito é causado, no momento, pelo excesso de veículos.

*Com informações da Agência Estado

Leia mais sobre: trânsito


    Leia tudo sobre: transito

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG