Mulheres protestam em Porto Alegre contra proibição do bronzeamento artificial no País

PORTO ALEGRE ¿ Dezenas de mulheres se reuniram, nesta segunda-feira, no centro de Porto Alegre, para protestar contra a decisão da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) que proíbe a venda e uso de equipamentos para bronzeamento artificial no País.

Lecticia Maggi, iG São Paulo |

Com sugestivos cartazes em que dizem amar o bronzeamento artificial ou então questionam quantas pessoas morrem por ano pelo bronzeamento, as mulheres pediram a liberação do procedimento.

AE
"Sou dona do meu corpo", estava escrito em diversos cartazes das manifestantes

A decisão da Anvisa foi anunciada no dia 11 de novembro, três meses depois de a Agência Internacional de Pesquisas em Câncer (Iarc, na sigla em inglês) alertar que os raios ultravioleta das câmaras poderiam causar câncer.

Segundo a Anvisa, não há evidências de benefícios que compensem os riscos do uso estético das câmaras. O diretor-presidente do órgão, Dirceu Barbano, argumentou que metade dos equipamentos que existem no País está no Rio Grande do Sul. "Não haveria nenhuma justificativa plausível para permitirmos o uso de tais máquinas, que comprovadamente aumentam o risco de câncer", justificou. "Existia um descontrole total. As pessoas eram enganadas e submetiam-se a um procedimento que, além de carcinogênico, causa envelhecimento precoce", acrescentou o presidente da Anvisa, Omar Lupi.

Com a decisão, ficou permitido o uso do equipamento apenas para tratar três tipos de doença de pele: vitiligo (que causa alterações na pigmentação), psoríase (que leva à descamação) e micose.

A Anvisa estima que, hoje, haja cerca de 5 mil equipamentos de bronzeamento no País. O câncer de pele é o que mais ataca a população e a proibição do bronzeamento estético era um pedido que a Sociedade Brasileira de Dermatologia tinha há pelo menos três anos.

Desde a decisão, as clínicas que desrespeitarem a medida estão sujeitas a interdição e pagamento de multa que varia entre R$ 2 mil e R$ 1,5 milhão.

*Com informações da Agência Estado

Leia mais sobre: bronzeamento artificial

    Leia tudo sobre: bronzeamento artificial

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG