A moradora da zona rural de Cunha (SP), Alice Moron Silva, de 41 anos, que perdeu seis familiares em um deslizamento de terra provocado pelas chuvas em 1º de janeiro, deixou hoje a Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital 9 de Julho. Alice deu entrada no hospital no dia 2 de janeiro, com quadro de politraumatismo.

No dia 9, ela foi submetida a uma cirurgia ortopédica para fixação das fraturas de coluna e de pelve.

Apesar de ainda não poder caminhar, os médicos que acompanham seu quadro clínico consideram sua evolução boa. As lesões estão cicatrizadas, mas ainda não há previsão de alta do hospital.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.