Mulher morre após fazer hidrolipo em clínica do Rio

A técnica de enfermagem Carla Bastos Fares, de 33 anos, morreu no sábado no Hospital Quinta DOr, no Rio de Janeiro, depois de se submeter pela terceira vez a uma cirurgia estética hidrolipo aspirativa. O procedimento foi feito na quarta-feira na clínica Med Light, em Duque de Caxias, na Baixada Fluminense.

Agência Estado |

Ela entrou em coma no mesmo dia, depois de ter sofrido uma parada respiratória. Carla queria retirar gordura das costas com o procedimento. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo .

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG