Mulher é presa por aplicar trote do seqüestro em Niterói

A polícia do Rio de Janeiro prendeu ontem em flagrante Cristiane Marinho Alcipio, quando ela recebia R$ 5 mil de um suposto seqüestro. A vítima recebeu uma ligação durante a madrugada de ontem informando que sua filha estava sendo mantida em cárcere privado e para que ela fosse libertada, teria que pagar o resgate.

Agência Estado |

Segundo a polícia, a mãe da suposta seqüestrada, de 68 anos, foi obrigada pelos bandidos a ficar em um hotel, no centro de Niterói, até a manhã de ontem, de onde seguiu para uma agência bancária da região. Ao sacar o dinheiro, ela chamou atenção dos funcionários por conta do nervosismo. Os policiais foram acionados. A vítima foi ao encontro da criminosa em um táxi. Todos foram levados para sede da 76ª Delegacia de Polícia (DP).

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG