Mulher atingida por árvore morre em Ribeirão Preto

A mulher atingida por uma árvore durante a tempestade de poeira, ontem, em Ribeirão Preto (SP), não resistiu aos ferimentos e morreu no começo da noite do feriado. A operadora de caixa, Regislaine Resende, de 40 anos, voltava para casa de bicicleta, quando ventos de até 66 quilômetros por hora, segundo medição do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe), provocaram o acidente.

Agência Estado |

Ela recebeu socorro no próprio local, no bairro Jardim das Palmieras, e foi levada para o Hospital das Clínicas (HC), onde passou por uma cirurgia, mas não resistiu. Um rapaz, que estava perto de Regislaine, também de bicicleta, quase foi atingido pela mesma árvore.

A tempestade de poeira derrubou dezenas de árvores pela cidade e deixou cerca de 100 mil pessoas sem energia elétrica. O Corpo de Bombeiros de Ribeirão Preto recebeu mais de 200 chamadas, principalmente sobre quedas de árvores.

Algumas cidades da região também foram afetadas com a falta de energia elétrica e quedas de árvores. A força do vento tombou um caminhão-baú, na Rodovia Brigadeiro Faria Lima, em Jaboticabal, mas o motorista não se feriu. Em Taquaritinga, a torre de comunicação do Corpo de Bombeiros foi derrubada pelo vento.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG