Cidade de Mato Grosso muda de comando três vezes em 24 horas

Em Várzea Grande, 2ª maior cidade do Estado, suspeitas de corrupção afastaram prefeito e vice. Atualmente, vereador está no cargo

Helson França, iG Mato Grosso |

Em menos de 24 horas o comando de um município de Mato Grosso foi trocado três vezes. O fato aconteceu em Várzea Grande, segunda maior cidade do Estado, após o juiz José Luiz Lindote anular o afastamento do prefeito Murilo Domingos e do vice-prefeito Tião da Zaeli (ambos do PR).

Leia também: Recadastramento de servidores gera filas e críticas em Várzea Grande

A Câmara Municipal, porém, voltou a afastá-los por supostos atos de improbidade e manteve no comando do município o vereador licenciado João Madureira (PSC), que sequer deixou a prefeitura.

Helson França, iG Mato Grosso
Suspeita de corrupção levou prefeito em exercício a pagar todos os funcionários pessoalmente, criando uma imensa fila na frente da administração municipal
Atendendo um recurso (mandado de segurança) apresentado pelo vice-prefeito, o juiz anulou o afastamento de Murilo e Tião no fim da tarde de segunda-feira. O magistrado suspendeu o decreto 03/2011, que criou a comissão processante para investigar denúncias de improbidade e levou ao afastamento dos dois por 180 dias.

Poucos minutos depois, a pedido do Ministério Público Estadual (MPE) - que apresentou uma ação civil pública por improbidade administrativa e que corre em segredo de Justiça -, Lindote decidiu em outro processo afastar Murilo novamente por tempo indeterminado. Procurado pela reportagem, Murilo informou apenas que irá recorrer.

Com as duas decisões judiciais, Tião teria direito a assumir o comando da prefeitura. Por conta disso os vereadores decidiram, de última hora, criar novamente uma comissão processante para apurar as mesmas denúncias de má aplicação de recursos públicos em 2010 e afastar prefeito e vice por mais seis meses. A decisão foi aprovada por volta das 22 horas e acabou beneficiando Madureira - que segue no cargo.

A reportagem entrou em contato com Zaeli, mas ele não retornou as ligações.

    Leia tudo sobre: Mato GrossoVárzea Grande

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG