Adolescente é detido por atear fogo em 3 hectares em Mato Grosso do Sul

Fogo atingiu a área de vegetação matando animais silvestres como gambá e preá, além de destruir árvores de grande porte

AE |

selo

Um adolescente de 13 anos foi detido nesta terça-feira acusado de atear fogo em quase três hectares de uma área particular, em perímetro urbano em Campo Grande, em Mato Grosso do Sul.

Segundo a Polícia Militar Ambiental, o fogo atingiu a área de vegetação do Lar Mãe Mariana, no bairro Estrela do Sul, matando animais silvestres como gambá e preá, além de destruir árvores de grande porte, caso das aroeiras.

Vizinhos informaram que viram o momento em que o jovem ateou fogo na vegetação que, devido ao tempo seco, se espalhou rapidamente. O fogo foi contido pelos próprios moradores, que também detiveram o rapaz até que a polícia chegasse ao local. 

Os policiais localizaram o pai do adolescente e o conduziram à Delegacia de Polícia Civil, juntamente com o filho para as providências criminais. O jovem responderá pelo ato infracional e o pai, pela corresponsabilidade pelo crime. O pai terá, ainda, de pagar fiança no valor de R$ 15 mil. A pena para quem provoca incêndio em matas ou florestas é de dois a quatro anos de reclusão. Segundo a polícia ambiental, os dois foram liberados após terem prestado depoimento.

    Leia tudo sobre: queimadamato grosso do sul

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG