MPF do Pará quer cancelar retomada de exploração na Serra Pelada

Autorização para garimpo havia sido liberada pelo Ministério do Meio Ambiente

iG São Paulo |

O Ministério Público Federal no Pará (MPF/PA) solicitou à Justiça o cancelamento da portaria que autorizou a retomada da exploração da mina de Serra Pelada pela sociedade entre a cooperativa dos garimpeiros e a mineradora canadense Colossus.

De acordo com o MPF/PA, o contrato que criou a sociedade é totalmente irregular e só foi aprovado porque os garimpeiros foram enganados pela diretoria da cooperativa.

A ação, assinada pelos procuradores da República André Casagrande Raupp e Tiago Modesto Rabelo, foi encaminhada à Justiça Federal e também pede a suspensão da assembleia convocada para o próximo sábado (28) pela Cooperativa de Mineração dos Garimpeiros de Serra Pelada (Coomigasp).

Segundo os procuradores, tudo indica que o objetivo da diretoria é realizar o evento só para dar aparência de legalidade a fraudes que viabilizaram a assinatura da parceria com a Colossus.

    Leia tudo sobre: garimpoexploraçãomineradorajustiça

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG