MPF denuncia militares por tortura a índios em Amazonas

Segundo a denúncia, quatro militares teriam praticado atos de abuso de autoridade e tortura contra índios

AE |

selo

O Ministério Público Federal (MPF) no Amazonas denunciou nesta sexta-feira à Justiça Federal quatro militares do Exército que teriam torturado indígenas em São Gabriel da Cachoeira, a 850 quilômetros de Manaus.

Segundo a denúncia, os militares Leandro Fernandes Rios de Souza, Ramon da Costa Alves e Walter Cabral Soares, sob o comando do 1º Tenente Samir Guimarães Ribas, teriam praticado atos de abuso de autoridade e tortura, "causando sofrimento físico e mental a índios" das comunidades de São Joaquim e Uariramba.

O fato teria ocorrido na noite de 29 de setembro de 2007 até a manhã seguinte, quando os militares estariam investigando índios envolvidos com tráfico de drogas.

    Leia tudo sobre: índiosamazonas

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG