MPE-GO pede cassação do deputado Ronaldo Caiado

O Ministério Público Eleitoral em Goiás (MPE-GO) entrou no começo da noite com recurso no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) pedindo a cassação do deputado federal Ronaldo Caiado (DEM-GO). O parlamentar é acusado pela Procuradoria Eleitoral de ser responsável pela captação e uso ilícitos de recursos durante a campanha eleitoral de 2006, quando Caiado foi eleito deputado federal O recurso foi apresentado pelo procurador regional Alexandre Moreira Tavares dos Santos, questionando decisão do Tribunal Regional Eleitoral (TRE-GO) que absolveu o deputado sob a alegação de serem frágeis as provas contra ele.

Agência Estado |

No TRT, a juíza Elizabeth Maria da Silva reconheceu que Caiado infringiu a legislação eleitoral, mas avaliou que os gastos ilícitos não interferiram na decisão da eleição, já que correspondiam a 5,24% do montante despendido pela campanha do deputado. Antes de ser analisado, o recurso impetrado pelo MPE-GO deve ser aceito pelo TSE. A previsão da Corte é que ele seja analisado após o recesso do Judiciário, em agosto.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG