MP pede prisão de 122 integrantes do PCC por tráfico

O Ministério Público (MP) pede a condenação de 122 pessoas acusadas de participar de uma rede de tráfico de drogas que a facção criminosa Primeiro Comando da Capital (PCC) controlava de dentro de três penitenciárias do interior de São Paulo. O processo chegou hoje na 4ª Vara Criminal de São José do Rio Preto, município a 440 quilômetros da capital paulista.

Agência Estado |

Conhecido como Operação Desmonte, o documento tem 109 volumes e 24 mil páginas e é o maior da história da Comarca de São José do Rio Preto, onde tramita.

Entre os acusados estão advogados, empresários donos de revendedoras de veículos e servidores que trabalhavam no fórum da cidade. A quadrilha era comandada com celulares por cinco suspeitos de serem líderes do PCC: Jair Carlos Costa, o Jajá ; Edson José da Costa, o Edinho ; Marcos Roberto Ciccone, o Ciccone ; Anísio Pedro Gonçalves, o Anisião ; e Mário Sérgio Costa, o Esquerda , que morreu na prisão em julho de 2007.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG