MP denuncia ex-gerentes de banco por desviar R$ 3,5 mi

O Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro ofereceu denúncia hoje contra duas ex-gerentes do Citibank. Fabiana de Oliveira Barreto e Ellen Carvalho de Lima Messeder são acusadas de desviar de R$ 3,465 milhões das contas de mais de 20 correntistas do banco.

Agência Estado |

A denúncia será examinada pela 33ª Vara Criminal da Comarca da Capital.

Na denúncia, são pedidas a decretação da prisão preventiva de Fabiana de Oliveira e a instauração, pela Delegacia de Defraudações, de um novo Inquérito para apurar a participação de outros quatro suspeitos.

O inquérito, conduzido pela 16ª Promotoria de Justiça de Investigação Penal da 1ª Central de Inquéritos e pela Delegacia de Defraudações, mostrou que as duas se associaram para praticar uma série de crimes contra o patrimônio dos clientes. Um dos correntistas chegou a ter prejuízo de R$ 1.548.987, conforme apurado pelo próprio banco.

De acordo com o Promotor de Justiça Alexandre Themístocles de Vasconcelos, autor da denúncia, os crimes foram praticados pela ex-gerente Fabiana Barreto entre junho de 2006 e dezembro de 2007. Após a demissão de Fabiana, Ellen deu continuidade ao esquema criminoso até maio de 2008.

As duas operaram empréstimos, saques e transferências bancárias fraudulentas. Também falsificaram assinaturas em documentos bancários, fizeram transferências bancárias simuladas, movimentaram contas de "laranjas" e usaram outras pessoas para fazer saques de dinheiro em bancos para onde as quantias eram desviadas.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG