sanguessugas - Brasil - iG" /

MP ajuiza mais duas ações contra sanguessugas

O Ministério Público Federal (MPF) em Governador Valadares (MG) ajuizou duas ações de improbidade administrativa contra integrantes da Máfia dos Sanguessugas. Em ambas, são réus os donos da Planan, Darci José Verdoin e Luiz Antônio Verdoin, e o ex-deputado federal Cabo Júlio.

Agência Estado |

No entanto, cada uma das ações trata de irregularidades cometidas por administrações de dois municípios diferentes - Divino das Laranjeiras e Jequitinhonha, situados no leste e nordeste de Minas Gerais.

Os ex-prefeitos de Divino das Laranjeiras, Maria das Graças Batista Mota, e de Jequitinhonha, Henrique Frederico Heitmann de Abreu, já falecido, além de funcionários públicos integrantes de comissões de licitação, em conluio com Darci José Vedoin, Luiz Antônio Vedoin e o Cabo Júlio, respondem por suposto esquema de compra de ambulâncias superfaturadas.

De acordo com o MPF, a quadrilha forneceu, entre os anos de 2000 e 2006, mais de mil unidades móveis de saúde para municípios de diferentes estados da federação. Calcula-se que a chamada Máfia dos Sanguessugas teria movimentado recursos públicos federais da ordem de R$ 110 milhões.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG