Segundo a assessoria de imprensa do órgão, esse é o procedimento usual em casos que envolvem interesse público

selo

O Ministério Público de São Paulo (MP-SP) irá acompanhar as investigações sobre o engavetamento que envolveu ontem 300 veículos na Rodovia dos Imigrantes. Segundo a assessoria de imprensa do órgão, esse é o procedimento usual em casos que envolvem interesse público.

Um promotor em São Bernardo do Campo, na Grande São Paulo, onde aconteceu o acidente, será designado apenas após a conclusão do inquérito. As investigações correrão normalmente pela Polícia Civil.

O engavetamento foi o maior em número de carros da história do Sistema Anchieta-Imigrantes. O acidente deixou um morto e 51 feridos, dois deles em estado grave. A série de colisões começou às 12h50, na altura do km 41, na Represa do Alvarenga, em São Bernardo do Campo, sentido São Paulo. Houve batidas em um raio de 2 km. A PM culpou a neblina - a visibilidade era de 10 metros em alguns trechos.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.