Movimento é normal no sistema Anchieta-Imigrantes

A concessionária Ecovias, que administra o Sistema Anchieta-Imigrantes, informa que é considerado normal o movimento de retorno a São Paulo dos motoristas que viajaram neste feriado prolongado de Corpus Christi. Dos cerca de 270 mil veículos que desceram para a Baixada Santista, 235 mil já voltaram para a capital paulista, sendo 8.

Agência Estado |

349 na última hora. Permanece em vigor o esquema de subida, com a viagem para São Paulo acontecendo pelas antiga e nova Rodovia dos Imigrantes e pela pista norte da Via Anchieta. A descida para o litoral ocorre pela pista sul da Via Anchieta. A única ocorrência informada foi registrada às 16 horas, na altura do quilômetro 20 da Imigrantes, região de São Bernardo do Campo, no Grande ABCD, sentido da capital paulista. Uma motocicleta e uma perua Kombi se chocaram naquele trecho e o motociclista ficou ferido.

Já quem retorna para São Paulo pela Rodovia Castello Branco está enfrentando lentidão. De acordo a Viaoeste, concessionária que administra a estrada, a morosidade acontece em dois trechos - um entre os quilômetros 54 e 53 e o outro desde o quilômetro 35 ao quilômetro 30 -, totalizando seis quilômetros. O motivo é o excesso de veículos.

No Sistema Anhangüera/Bandeirantes, a Autoban, empresa responsável pelas duas estradas, a situação é pior para quem volta pela Bandeirantes. Os motoristas encontram nove quilômetros de morosidade, entre os quilômetros 65 e 56, também em razão do grande número de carros. A melhor opção é a Rodovia Anhangüera. Na Rodovia Presidente Dutra, a NovaDutra, empresa que administra a estrada, registra tráfego lento, no sentido Rio/São Paulo, na altura do município de Aparecida e na chegada à capital paulista.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG