Motoristas de ônibus voltam ao trabalho em Guarulhos

GUARULHOS - Os motoristas e cobradores de ônibus que paralisaram na madrugada desta segunda as atividades em Guarulhos, na Grande São Paulo, já voltaram ao trabalho, segundo informações do Sindicato dos Condutores de Veículos Rodoviários de Trabalhadores em Transportes Urbanos de Passageiros e Cargas Secas e Molhadas de Guarulhos e Região (Sincoverg).

Agência Estado |

A paralisação começou por volta das 3h30, prejudicando pelo menos 40 mil passageiros nesta manhã, segundo a Secretaria de Transporte de Guarulhos.

De acordo com a Empresa Metropolitana de Transportes Urbanos (EMTU), funcionários de outra viação também entraram em greve, prejudicando outros 15 mil usuários.

A viação atua em nove linhas que seguem da cidade para as regiões do Brás, Penha, Vila Carrão e Terminal Rodoviário Tietê, em São Paulo. Para amenizar o transtorno aos passageiros, a prefeitura liberou as vans que operam à tarde nas linhas em todo o município e a EMTU solicitou reforço às empresas de ônibus que operam na mesma região.

Segundo o Sincoverg, um grupo paralelo ao sindicato organizou a greve. De acordo com a Secretaria de Transportes, a manifestação foi originada após um racha no sindicato. Além disso, os manifestantes querem pressionar os empresários da categoria a autorizar aumento salarial na data-base, que ocorre no próximo dia 1º de maio.

Leia mais sobre: greve

    Leia tudo sobre: greve

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG