Motorista que teria provocado acidente que matou oito pessoas é preso

O motorista Lucio Ferreira Pinto, condutor do ônibus da Viação Atibaia e que teria provocado um acidente que deixou oito mortos na Rodovia Fernão Dias, foi preso na noite de terça-feira durante depoimento na Delegacia Central de Mairiporã, informou a Secretaria de Segurança Pública (SSP).

iG São Paulo |

O ônibus saiu de São Paulo, por volta das 12h30 de terça-feira, com cerca de 39 passageiros e seguia para a cidade de Atibaia, quando tombou em cima da mureta central da pista. O veículo deslizou por alguns metros e invadiu a pista sentido São Paulo, atingindo dois veículos de passeio e um caminhão.

O acidente, ocorrido na altura do quilômetro 69 da Fernão Dias (BR-381), em Mairiporã, deixou outras 35 pessoas feridas. O motorista deve responder por crime de homicídio doloso, pois ele teria assumido o risco de provocar o acidente.

A Viação Atibaia informou, por meio de assessoria de imprensa, que o motorista trabalha na empresa há quatro anos e nunca apresentou registros de advertências ou mau comportamento em seu histórico.

N. Rodrigues/Futura Press

Ônibus tombado no canteiro da pista da Fernão Dias

Resgate

Os bombeiros contaram com 31 viaturas e 62 homens de diversas unidades, uma ambulância da concessionária que administra a rodovia, três viaturas do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e três helicópteros da Polícia Militar - sendo dois utilizados para socorrer e transportar as vítimas e um para levar uma equipe médica ao local.

Os feridos foram levados ao Hospital das Clínicas; aos prontos-socorros de Atibaia, Mairiporã, Tatuapé e Ermelino Matarazzo; e ao Hospital Geral, ao Hospital Municipal de Urgência e ao Hospital Estadual Pedro Bento, todos em Guarulhos. Das 35 vítimas resgatadas, duas estavam em estado grave.

(*com informações da Agência Estado)

Leia também:

Leia mais sobre: acidenteFernão Dias

    Leia tudo sobre: acidente

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG