SÃO PAULO - Um motorista de 24 anos foi preso no domingo, por volta das 21h30, após atropelar e não prestar socorro a um garçom, de 26 anos, na avenida Cidade Jardim, na zona sul de São Paulo.

De acordo com a Secretaria de Segurança Pública, a Polícia Militar foi informada por um motoqueiro de que um rapaz havia sido atropelado por um Audi, sendo que o motorista não parou. Segundo disse a testemunha, o veículo estava estacionado em um posto de gasolina.

Os PMs foram ao posto e encontraram o motorista, que confessou ter atropelado o garçom. Ele disse que não parou para prestar socorro porque estava assustado e não queria ver o estado da vítima. Além disso, recusou-se a realizar o teste do bafômetro, mas foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML) para realização de exame de dosagem alcoólica.

Socorrido no Hospital das Clínicas, o garçom não resistiu aos ferimentos e morreu. O motorista foi autuado em flagrante por homicídio culposo. Após pagar fiança de R$ 1,5 mil, foi liberado.

Assista ao vídeo sobre o acidente:

Leia mais sobre: atropelamento

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.