Mostra em NY mostra como o barão Haussmann transformou Paris

O Metropolitan Museum de Nova York está revelando desde terça-feira, em algumas dezenas de clichês gravados por fotógrafos pioneiros do século XIX, a revolução urbana que Paris conheceu durante o reinado de Napoleão III (1852-1870).

AFP |

A coleção pertence ao célebre museu americano, e é uma das mais importantes fora da França, tendo a Biblioteca Nacional e o Museu d'Orsay como únicos concorrentes, explica à AFP o curador Malcolm Daniel.

A exposição mostra como Paris medieval tornou-se uma das cidades mais modernas da época, sob um imperador que queria modernizar, mas também facilitar movimentos militares em caso de nova revolução.

O plano foi posto em prática pelo prefeito Georges Eugène Haussmann, mais conhecido como "barão Haussmann", que traçou principalmente os grandes bulevars e permitiu a construção de prédios que caracterizam hoje vários bairros residenciais da capital francesa.

"Pode-se comparar Haussmann a Robert Moses, o urbanista que transformou Nova York no século XX", estima Malcolm Daniel.

As fotos de Gustave Le Gray, Edouard Baldus ou Pierre-Ambroise Richebourg mostram ruas pavimentadas, canais insalubres, ribeiras como la Bièvre onde dezenas de curtume derramam seus dejetos.

Segue-se, depois a industrialização, a renovação de Notre-Dame. Em 15 anos, alguns locais como a Tour Saint-Jacques se arejam tornando-se mais e mais burguesas.

A apoteose chega com a instalação de 20.000 postes de iluminação a gás. Vêm, depois, os revolucionários da Comuna em 1871; as fotos seguintes mostram Paris destruída, a coluna Vendôme no chão, Neuilly bombardeada, o "Hôtel de ville" em chamas.

"As exposições são muito instrutivas, num país, como os Estados Unidos, onde ninguém sabe quem foi Napoleão III mas todo o mundo adora Paris", conclui o curador.

Napoleão III de França, nascido Carlos Luís Napoleão Bonaparte, Charles Louis Napoléon Bonaparte, era sobrinho do grande Napoleão. Foi presidente e posteriormente imperador da França (1852-1870). Era o terceiro filho de Luís Bonaparte (1778-1846), rei da Holanda, e de Hortênsia de Beauharnais (Hortense de Beauharnais), respectivamente, irmão e enteada de Napoleão Bonaparte.

mes/cha/sd

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG