Mortes por gripe suína no Rio de Janeiro chegam a 64

A Secretaria de Saúde do Rio de Janeiro confirmou a morte de mais quatro pacientes infectados pelo vírus da gripe suína no Estado. Com esses casos, chega a 64 o número de óbitos pela doença.

Agência Estado |

As vítimas eram do sexo feminino e os óbitos ocorreram entre 11 de julho e 6 de agosto. Entre os casos recentes estão uma gestante de 25 anos; uma menina de 10 meses que tinha cardiopatia e Síndrome de Down; uma mulher de 37 anos com neuropatia e uma jovem de 23 anos.

O Ministério da Saúde informou hoje que o laboratório que produz o medicamento Tamiflu, usado no tratamento para gripe suína, deve passar a distribuir o remédio a farmácias e drogarias. O medicamento só será vendido mediante prescrição médica e monitoramento de eventos adversos. O diretor de Vigilância Epidemiológica da Secretaria de Vigilância Sanitária do Ministério da Saúde, Eduardo Hage, rebateu as críticas de que a pasta tenha concentrado toda a produção e alegou que o Tamiflu só não chegou aos estabelecimentos comerciais porque não havia estoque para suprir a demanda.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG