Mortes em BRs do País crescem 9,34% no fim do ano

Aumentou a violência nos 61 mil quilômetros de estradas federais do Brasil nos feriados prolongados de Natal e ano-novo. Entre o último dia 20 e ontem, a Polícia Rodoviária Federal (PRF) registrou 7.

Agência Estado |

140 acidentes, com 4.795 feridos. Os números superam em 7,84% e 6,63%, respectivamente, os dados verificados em igual período entre o fim de dezembro de 2007 e início de janeiro de 2008. O total de mortos cresceu 9,34%, passando de 384 para 435. Minas Gerais respondeu pelo maior número de acidentes, 1.411, e de mortes, 89.

As multas aplicadas por embriaguez aumentaram 166%, para 1.043. Flagrados no bafômetro, 650 motoristas acabaram presos. As infrações por excesso de velocidade, 26,4%, para 99.435. A maioria, 80%, ocorreu nas regiões Sul e Sudeste. Entre as causas do balanço negativo, a PRF destacou as chuvas que atingiram o Sul e Sudeste e quantidade de veículos com passageiros além do permitido envolvidos em desastres.

Segundo a PRF, no Rio Grande do Sul, pai, mãe e quatro filhos morreram na BR-386 após o veículo em que estavam invadir a contramão e bater de frente com um caminhão. Em Minas, na BR-116, uma ônibus da Viação Itapemirim despencou de uma ribanceira, em Além Paraíba, matando 12 pessoas. No Maranhão, um ônibus da Satélite Norte caiu num barranco e provocou 10 mortes.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG