Morte de suspeito foi causa de protesto em São Paulo

Moradores da região da Vila Jacuí, Zona Leste de São Paulo, realizaram nesta madrugada uma manifestação violenta próximo à delegacia do bairro, o 63ºDP. O protesto foi motivado pela prisão de um homem, detido por policiais militares da 2ª Companhia do 2º Batalhão.

Agência Estado |

Horas depois, o homem foi encontrado morto em uma cela da delegacia. A polícia acredita que ele tenha cometido suicídio.

Três ônibus da Viação Vip Transportes, que estavam parados no ponto final, próximo ao Cemitério da Saudade, foram alvo da fúria dos manifestantes. Um deles, de linha 2460 (Cemitério da Saudade /Parque Dom Pedro), foi incendiado, assim como a cabine do fiscal. Outros dois ônibus, também estacionados no local, foram depredados.

PMs da Rota e da Tropa de Choque, com o auxílio da Guarda Civil Metropolitana e de agentes do Grupo Armado de Repressão a Roubos e Assaltos (Garra), foram acionados para dispersar a população.

Leia mais sobre: protestos

    Leia tudo sobre: protesto

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG