Morte de motoboy gera tumulto na zona sul do Rio

RIO DE JANEIRO - Moradores do Morro Azul, na zona sul do Rio, revoltados com a morte de um motoboy, mandaram fechar a estação do metrô do Flamengo e o comércio do bairro na noite deste sábado. Eles depredaram uma agência bancária, danificaram ao menos quatro carros e incendiaram latas de lixo, pneus e móveis.

Redação com Agência Estado |

O supermercado Pão de Açúcar, que funciona 24h, fechou as portas, assim como outras lojas e bares. O trânsito no local foi bloqueado.

O tumulto aconteceu depois que o motoboy Edson Vaz do Nascimento, de 36 anos, foi morto a tiros na noite deste sábado. A vítima teria sido morta com um tiro na cabeça ao estacionar na porta da casa de sua mãe, supostamente por policiais militares à paisana. A Polícia Militar não confirma a versão. A segurança foi reforçada no bairro, com cerca de 40 soldados. Edson Vaz deixou uma filha de cinco anos e outra de 15.

Leia mais sobre: violência

    Leia tudo sobre: violência

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG