A morte de Michael Jackson levou os executivos de estúdio a determinar uma reedição de último minuto da comédia Bruno, a nova criação do ator britânico Sacha Baron Cohen, mais conhecido por seu personagem Borat.

De acordo com o Wall Street Journal, uma cena do novo filme que satirizava a irmã de Michael, LaToya Jackson, foi cortada antes de uma pré-estreia em Los Angeles.

O jornal diz que a cena - na qual LaToya Jackson aparece comendo sushi sobre o corpo de um mexicano nu, que serve de mesa - não deve ser restaurada quando o filme for lançado nos Estados Unidos em 10 de julho.

"Bruno" é o novo personagem interpretado pelo criador de Borat, e mostra as aventuras de um atrevido jornalista de moda austríaco e homossexual que busca a fama nos Estados Unidos.

rcw/cn

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.