O escritor russo Vassili Axionov, um ex-dissidente que se exilou nos Estados Unidos na época soviética, morreu nesta segunda-feira em Moscou aos 76 anso, anunciou sua esposa, Maya Axionova.

Vassili Axionov, autor de "Uma saga moscovita" (1994), estava gravemente doente há 18 meses. Foi internado no departamento de reanimação de um hospital de Mosou no início de 2008 devido a uma operação que provocou uma trombose no instestino.

Seu estado de saúde piorou nesta segunda, segundo uma amiga da família, Irina Surenkova, contactada por telefone.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.