Morreu o antropólogo francês Claude Lévi-Strauss aos 100 anos

O francês Claude Lévi-Strauss faleceu aos 100 anos, segundo informou nesta terça-feira a editora Plon.

AFP |

Nascido em Bruxelas em 1908, Claude Lévi-Strauss influenciou gerações de pesquisadores e estabeleceu as bases da antropologia moderna ao mudar a percepção do mundo.

Sua autobiografia intelectual "Tristes trópicos", publicada em 1955, foi considerada um dos grandes livros do século XX. O livro fala de sua passagem pelo Brasil, onde lecionou na recém-fundada UUniversidade de São Paulo, e de suas viagens pelo interior do país.

Professor do prestigioso College de França, Lévi-Strauss foi o primeiro antropólogo eleito para a Academia Francesa em maio de 1973.

Em 28 de novembro de 2008, Claude Lévi-Strauss festjeou seus anos de vida.

dch/cn

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG