Morre fundador da Mocidade Alegre, campeã paulista do carnaval 2009

SÃO PAULO - Juarez da Cruz, principal fundador da escola de samba Mocidade Alegre, morreu aos 78 anos nesta terça-feira após uma parada cardíaca, de acordo com uma nota divulgada à imprensa. O velório acontece na quadra da Mocidade desde as 6h e o enterro será no Cemitério de Vila Nova Cachoeirinha, às 16h30.

Redação |

A Mocidade Alegre foi a grande campeã do carnaval 2009 em São Paulo. Durante a apuração das notas, a disputa com a escola de samba Vai-Vai foi acirrada gerando expectativa e tensão. Com isto, Cruz passou mal e teve que ser atendido pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência, o Samu.

AP
AP
A Mocidade Alegre ganhou o carnaval 2009 após disputa acirrada com a Vai-Vai

O fundador chegou a comemorar o título de sua escola na quadra social, mas voltou ao hospital e permaneceu internado para realização de exames até a madrugada desta terça-feira.

Pioneiro

Cruz chegou a São Paulo em 1948, vindo de Campos, no Rio de Janeiro, e dois anos depois começou a fundação de um bloco de carnaval que se tornaria, em 1967, a Mocidade Alegre. Ele foi o primeiro presidente da agremiação e sua gestão durou até 1993. Em 1994, tornou-se presidente de honra da escola.

Juarez fundou, também, a União das Escolas de Samba Paulistanas para que as agremiações pudessem ser respeitadas junto aos poderes públicos. Na Liga Independente das Escolas de Samba de São Paulo, teve participação decisiva e foi o primeiro presidente, em 1985.

Leia mais sobre: Mocidade Alegre

    Leia tudo sobre: carnavalsão paulo

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG