Por Alex Dobuzinskis LOS ANGELES (Reuters) - O premiado roteirista norte-americano David Mills, que colaborou com programas de sucesso como The Wire e ER (Plantão Médico), morreu na noite de terça-feira, aos 48 anos, informou na quarta-feira o canal a cabo HBO.

O canal não esclareceu a causa da morte, mas o jornal New Orleans Times-Picayune afirmou que ele sofreu um aneurisma cerebral.

Mills foi roteirista também da ainda inédita série "Treme", da HBO.

Em nota, o canal se disse "profundamente entristecido pela súbita perda do nosso querido amigo e colega David Mills (...). Ele era um homem gracioso e humilde, e sua ausência será amargamente sentida por todos os que o conheceram e amaram, e também por aqueles que estavam cientes do seu imenso talento".

Mills escrevia para o jornal The Washington Post no começo da década de 1990. Em seguida, foi autor de episódios para as séries dramáticas "NYPD Blue", "Homicide: Life on the Street" e "ER".

De 2006 a 2008, colaborou com "The Wire", programa criado pelo ex-jornalista David Simon, oferecendo um olhar ácido sobre o tráfico de drogas, a polícia, a imprensa e a burocracia em Baltimore.

"Treme", sobre a vida em Nova Orleans depois do furacão Katrina, em 2005, foi o último projeto de Mills, produzido por ele e Simon. A estreia está marcada para 11 de abril.

Em 2000, Mills recebeu dois prêmios Emmy por seu trabalho na minissérie "The Corner", também em parceria com Simon.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.