Publicidade
Publicidade - Super banner
Brasil
enhanced by Google
 

Morre aos 94 anos no Rio o compositor Dorival Caymmi

Morreu, às 6 horas desta manhã de sábado, o cantor e compositor baiano Dorival Caymmi. Ele faleceu em sua casa, no bairro de Copacabana, na zona sul do Rio, aos 94 anos.

Agência Estado |

O compositor sofria de insuficiência renal e, em razão da idade, já não apresentava uma condição cardíaca favorável. Estava doente desde 2007, permanecendo em internação domiciliar desde dezembro.

Nesta manhã, com insuficiência múltipla dos órgãos, Caymmi sofreu uma parada cardiorrespiratória e não resistiu. Segundo a filha do compositor, a também cantora Nana Caymmi, o velório do pai será realizado no Cemitério São João Batista, no bairro de Botafogo, também na zona sul, mas ainda não foi confirmado um horário para o sepultamento.

Nascido em Salvador(BA) em 30 de abril de 1914, Dorival Caymmi mudou-se em 1938 para o Rio de Janeiro, onde apresentou-se na Rádio Tupi, cantando uma de suas composições mais conhecidas: "O Que é que a Baiana Tem?", que no filme "Banana da Terra", de 1938, foi interpretada por Carmem Miranda.

Poeta popular, compôs outras obras como "Marina", "Modinha para Gabriela", "Maracangalha", "Saudade de Itapuã", "O Dengo que a Nega Tem", "Rosa Morena). Dorival Caymmi era casado com a cantora Stella Maris.

Leia tudo sobre: iG

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG