Morre a escritora espanhola Corín Tellado

Gijón (Espanha), 11 abr (EFE).- A escritora espanhola Corín Tellado, cujo nome verdadeiro é María do Socorro Tellado López, que alcançou fama internacional graças a seus romances de amor, morreu hoje na cidade espanhola de Gijón, informaram à Agência Efe fontes familiares.

EFE |

Corín Tellado morreu em casa, após sofrer provavelmente um infarto cerebral ou cardíaco quando acabava de se levantar, disseram as mesmas fontes.

A autora, considerada pela Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco) a mais lida em espanhol depois de Miguel de Cervantes, autor de "Dom Quixote", nasceu na localidade de Viavélez, na região de Astúrias, em 25 de abril de 1927.

Ao longo da vida, a escritora publicou mais de 4 mil romances, com 400 milhões de exemplares vendidos, entre eles "Adeus a uma Esperança", "Em Busca de uma Esposa" e "Agencia Matrimonial". EFE nac/an

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG