No último dia 14, outras duas mulheres também orreram após o exame. Elas passaram mal e tiveram parada cardiorrespiratória

Morreu na manhã deste sábado a terceira paciente que realizou o exame de endoscopia em uma clínica particular em Joaçaba, em Santa Catarina. A vítima estava internada no Hospital Santa Terezinha há pelo menos 12 dias. 

No último dia 14, outras duas mulheres - Maria Rosa de Almeida dos Santos, de 51 anos, e Santa Pagliarini Sipp, de 60 anos - também morreram após o exame. Elas passaram mal e tiveram parada cardiorrespiratória. 

A polícia investiga o caso. Os laudos periciais e exames bioquímicos que apontarão as causas das mortes devem ser concluídos em aproximadamente 15 dias. 

O médico gastroenterologista responsável pelos exames foi detido pela Polícia Civil suspeito de homicídio e lesão corporal. Ele foi liberado depois de prestar depoimento e pagar fiança.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.