Minas descarta 3 de 5 casos monitorados por gripe suína

A Secretaria de Estado da Saúde (SES) de Minas Gerais divulgou nota hoje informando que foram descartados três dos cinco casos monitorados em Belo Horizonte por conta da gripe suína. De acordo com a Secretaria, o resultado de duas das três coletas de material biológico enviadas para a Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), no Rio de Janeiro, deu negativo.

Agência Estado |

"O que implica o descarte dos casos, que se referem ao casal internado na segunda-feira". A assessoria do HC não soube informar qual dos dois casos restantes é classificado pelo Ministério da Saúde como "suspeito" - quando o paciente apresenta febre repentina acima de 38 graus acompanhada de um ou mais dos seguintes sintomas: tosse, dificuldade respiratória, dor de cabeça, dores musculares e nas articulações; e ter como procedência as áreas afetadas, nos últimos 10 dias, segundo os critérios da Organização Mundial da Saúde (OMS).

O terceiro caso descartado é o de uma mulher de 47 anos que desembarcou hoje pela manhã no Aeroporto Internacional Tancredo Neves, em Confins, região metropolitana da capital, com sintomas de gripe. Ela estava em um voo vindo de Miami (EUA) e foi a quinta pessoa internada no Hospital das Clínicas (HC) da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG). "A 5ª paciente, que deu entrada no HC na tarde de hoje, não apresenta os sintomas da doença, sendo portadora de sinusite", informou a Secretaria.

De acordo com a Secretaria, o casal e a mulher apresentavam "condições de alta". Dois casos continuavam sendo investigados no HC e os pacientes - uma médica de 34 anos e um homem de 35 - permaneciam internados em área isolada do hospital. "Nenhum dos pacientes internados no HC está recebendo medicamentos antivirais". Conforme a Secretaria, na próxima semana estarão disponíveis na capital mineira mais 34 leitos de isolamento comum (não respiratórios), no Hospital Eduardo de Menezes. A previsão é que os leitos estejam disponíveis a partir da próxima terça-feira.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG